Falando do que aprendeu

“Faze-me entender o caminho dos teus preceitos; assim, falarei das tuas maravilhas” – Salmo 119.27

Jamil Filho
Jamil Filho

O conhecimento teológico e intelectual do crente deve ser direcionado para um único propósito: glorificar o nome de Deus e levar as almas até Cristo.

Reconhecendo sua pequenez e sua incapacidade de compreender as maravilhas eternas o salmista roga para que o próprio Senhor lhe ensine acerca dos estatutos de Sua Lei. Seu coração anseia por compreender mais sobre a grandiosidade de Deus a fim de que, desfrutando das insondáveis maravilhas de Sua Graça, outras almas sejam alcançadas.

Assim como o salmista, o cristão deve se empenhar e desejar conhecer mais ao Deus que serve, aprender os Seus estatutos e se maravilhar com as incompreensíveis maravilhas contidas em Sua Eterna Pessoa.

O crente é chamado por Deus para subir ao monte, a fim de buscá-lo, para encontrá-lo em secreto e desfrutar das profundezas teológicas de Sua Palavra. Contudo, este não é o lugar onde o crente deve habitar.

Ao admirar o Eterno, o coração do crente deve palpitar por anunciá-lo ao mundo, ao compreender as insondáveis maravilhas espirituais, a alma do cristão arde por divulgar as boas novas.

E, enquanto caminha para sua verdadeira Pátria, o peregrino anuncia o evangelho do Reino aos que o cercam.

No Reino de Cristo a teologia e o conhecimento bíblico só são úteis se o propósito central for a glorificação do Nome de Deus e a salvação de almas. Este deve ser o anseio e a luta diária de todo peregrino: mergulhar nos rios da Graça e jorrar vida aos que o cerca.

Deus lhe abençoe

Logo Amazon

+

Novas de Cada Manhã

Faça suas compras com nosso link