Devocional #36 - Afasta-me dos caminhos vergonhosos

"Afasta-me de meus caminhos vergonhosos, pois teus estatutos são bons" – Salmo 119.39

"Afasta-me de meus caminhos vergonhosos, pois teus estatutos são bons" – Salmo 119.39

Reconhecendo sua própria limitação, em se afastar da insensatez e da inconsistência, o salmista roga ao Senhor para que Ele lhe afaste de seus caminhos vergonhosos, em algumas versões, do opróbrio.

Não há bênção maior do que o crente reconhecer sua própria fraqueza, suas fragilidades e a sua dependência do Espírito Santo. Tal como o salmista, o crente pode clamar ao Senhor e confiar que Ele lhe auxiliará.

"Nossa esperança de nos libertar do opróbrio da inconsistência está no poder de Deus, estimulando-nos a viver de acordo com Sua Palavra, a qual Ele nos conduz ao amor" 1

A certeza presente no coração do salmista estava fundamentada na fidelidade de Deus para com a Sua Palavra, Ele lhe auxiliaria, pois seus estatutos são bons.

E, assim como ele, enquanto caminhamos nesta terra também podemos confiar no auxílio do Pai, que nos capacita a viver de acordo com Sua Palavra.

Que Deus lhe abençoe.

[1] Jamieson, R., Fausset, A. R., & Brown, D. (1997). Commentary Critical and Explanatory on the Whole Bible (Vol. 1, p. 382). Oak Harbor, WA: Logos Research Systems, Inc.

Deixe um comentário

Assine o Novas de Cada Manhã

Não perca nenhum conteúdo. Inscreva-se para ter acesso à biblioteca de conteúdos exclusivos para membros.
[email protected]
Inscreva-se