Devocional #15 - Lembrar de não esquecer

"Alegrar-me-ei nos teus estatutos; não me esquecerei da tua palavra" – Salmo 119.16

“Alegrar-me-ei nos teus estatutos; não me esquecerei da tua palavra” – Salmo 119.16

Os estatutos e mandamentos do Senhor são, para aqueles que por Ele foram justificados, mananciais de águas, a fonte de onde brota a verdadeira alegria.

Enquanto peregrino em terra estranha e cercados por angústias e dores é na Palavra de Deus que o cristão o refrigério para sua alma e uma pequena porção da eternidade que alegra seu coração.

Ela se torna a água em um mundo ressequido, a alegria em uma sociedade cheia de angústia e ódio. No entanto, assim como o salmista declara a consciência de que ele, se descuidar, pode esquecer das Escrituras, nós também estamos sujeitos a este mal.

Deve partir do mais fundo de nossa alma o desejo ardente de manter viva na memória os princípios contidos nos estatutos divinos. Diante de uma geração que se esqueceu dos valores eternos, é de nossa responsabilidade mantê-los ardendo em nossos corações.

O curso natural da mente humana caída sempre será seguir para longe da Palavra, o fluxo natural do homem moderno é se encher até não ter mais espaço para lembrar de Deus.

Porém, assim como o salmista, uma vez que provamos da alegria e paz eterna, nos é dada a responsabilidade de nos lembrar de jamais esquecer, de manter sempre nítida e clara em nossos corações as tábuas do testemunho, em zelar pelo que há de mais santo e sagrado.

Não se esqueça de lembrar! Deus lhe abençoe.

Deixe um comentário

Assine o Novas de Cada Manhã

Não perca nenhum conteúdo. Inscreva-se para ter acesso à biblioteca de conteúdos exclusivos para membros.
[email protected]
Inscreva-se