"Por teu amor, ó Senhor, ouve meu clamor; restaura minha vida conforme teus estatutos. Pessoas más aproximam-se para me atacar; elas estão distantes de tua lei. Mas tu, Senhor, estás perto, e todos os teus mandamentos são verdadeiros" – Salmos 119:149-151

Mesmo estando cercado por homens iníquos que procuram o mal de sua alma e rodeado de pessoas que odeiam a lei do Senhor, a fé do salmista não é abalada, seu coração ainda permanece firme e convicto na restauração plena em Deus.

Seus inimigos podem estar próximos, mas o Senhor está perto e atento ao seu clamor. Seu coração não está preocupado com o que acontece à sua volta, mas permanece atento à resposta de Deus.

O salmista não se inquieta com o resultado dos ataques contra sua vida, pois sua alma está guardada nEle, sua fé está firmada nos mandamentos eternos

O Senhor não está distante, mas perto de todo aquele que lhe invoca com coração cheio de convicção de que será ouvido. NEle encontramos o refúgio seguro diante das tribulações da vida e o abrigo secreto em meio às perseguições.

Em seu clamor o salmista não roga simplesmente por proteção, pois tem a convicção de que em Deus ele já está seguro, mas por restauração, seu anseio é que o Senhor realinhe sua vida aos preceitos eternos e que lhe auxilie a retomar o rumo da caminhada.

Cercados por angústias, perseguições, incertezas e temores podemos ter nossa fé abalada e, vez ou outra, nos desviaremos do caminho, mas assim como o salmista podemos ter a certeza de que o Senhor está disposto a nos restaurar em Sua Palavra e nos colocar no rumo certo.

Que Deus lhe abençoe.