"Sei, há muito tempo, que teus preceitos durarão para sempre" – Salmos 119:152

Após orar clamando pela graça divina e auxílio diante das perseguições e opressões, o salmista então louva ao Senhor reconhecendo que Sua Palavra e Seus preceitos são eternos.

Da eterna Lei do Senhor o salmista extrai não apenas princípios de vida, mas preceitos que lhe guiará até a vida eterna. O mundo passará, o conhecimento se extinguirá, mas a Palavra do Senhor permanece eternamente.

Em outra versão lemos “Há muito aprendi dos teus testemunhos que tu estabeleceste para sempre”. Somente na Escritura encontramos o verdadeiro conhecimento e a sabedoria cristalina, pois ela não foi inspirada por homens ou escrita a partir do limitado conhecimento humano, mas nasceu na eternidade, revelada pelo próprio Deus e inspirada pelo Santo Espírito.

Ela permanecerá para sempre, suas ordenanças, preceitos e bênçãos espirituais não passarão, não serão abaladas. Não importa o quanto os homens militem contra as Escrituras, toda oposição é passageira, todo ódio se diluirá diante da eternidade.

Tudo passará, mas as Palavras do Senhor permanecerão para sempre.

Que Deus lhe abençoe.