Devocional #09 - Bem-aventurados os pacificadores

“Bem-aventurados os pacificadores, pois serão chamados filhos de Deus” — Mateus 5:9

Paz, um conceito tão simples e, ao mesmo tempo, tão difícil de ser colocado em prática. Por mais que nossa realidade seja relativamente pacífica não podemos, realmente, falar que há paz no mundo.

Tal paz, no entanto, não provém de nós mesmos, não é fruto de nossa diplomacia ou civilidade, ao contrário, ela vem de Deus. Ele é um Deus de paz que, por meio de Cristo Jesus, removeu toda discórdia que havia entre nós e Ele.

Esta paz se reflete em dois aspectos essenciais da vida cristã, o primeiro é a responsabilidade com o anúncio do Evangelho, o segundo é a manifestação do amor de Deus e da compaixão nos relacionamentos interpessoais.

A maior obra de pacificação não é aquela que prega o fim das guerras humanas, mas a que proclama o fim do abismo que havia entre Deus e os homens. Em Cristo Jesus não há mais condenação, toda acusação que havia contra nós foi cravada na cruz e agora temos paz com Deus, a shalom, a plenitude que havia sido perdida no Éden.

E, à medida que somos preenchidos pela paz proveniente de Deus, a manifestamos em nossos relacionamentos pessoais. Jesus nos chama para a tarefa de pacificação e isso nos revela uma realidade que, muitas vezes, perdemos de vista: precisamos desenvolver, com o auxílio do Espírito Santo, uma postura ativa de rejeitar e abafar os conflitos.

Não é natural que os súditos de um Reino de paz vivam em constante guerra com seu próximo, menos natural ainda é alguém que afirma ter recebido a shalom, a plena paz de Deus, mas vive com o coração preenchido por amargura e ressentimento.

Os pacificadores são filhos de Deus, pois refletem o caráter pacífico do Pai. Não há como requerer dEle o direito da herança eterna e não manifestar sua paz ao mundo, não há como declarar ser filho de um Deus de Paz se não vivo em paz com o próximo e, principalmente, com meus irmãos na fé.

Que Deus lhe abençoe.

Deixe um comentário

Assine o Novas de Cada Manhã

Não perca nenhum conteúdo. Inscreva-se para ter acesso à biblioteca de conteúdos exclusivos para membros.
[email protected]
Inscreva-se